Muitos acham que todo sapato social é igual. Outros dizem que é possível variar dentro do que já existe e criar visuais únicos. Nós somos desse segundo grupo, pois acreditamos que qualquer pessoa pode criar uma identidade única. Basta saber escolher!

            E é por isso que criamos esse artigo mostrando os principais tipos de sapato social masculino. Aqui, você saberá quais são as principais combinações deles e em quais ocasiões eles caem bem!

Sapato Oxford

            O sapato oxford é bastante comum para compor os visuais mais sociais. Afinal, ele está no guarda-roupa de todo homem que precisa usar terno e gravata no dia a dia. Além disso, esse calçado funciona bem tanto em grandes reuniões de negócios, quanto em festas de casamento.

            Sobre a cor, é importante ressaltar que tudo dependerá dos ternos que você tem. O preto é bastante formal, funcionando com uma peça preta, azul-marinho ou cinza. Já o marrom escuro é ótimo para dar versatilidade, casando também com os ternos oliva, bege e muitos outros.

 

Sapato Derby

            O sapato Derby é tão comum quanto o Oxford, mas indo por um lado menos formal que o anterior. Isso porque ele cai muito bem em pessoas que trabalham de social, mas que não necessariamente usam terno e gravata.

            Além disso, ele é bastante usado com calças de alfaiataria e paletós descasados. As cores não são um problema porque muitas combinam com esse estilo, mas é bastante incomum usá-lo com algo preto.

 

Sapato brogue

            Alguns dizem que ele é casual, outros que ele é mais formal, mas a única resposta definitiva para os brasileiros é que o sapato brogue é incomum nas nossas terras. E tendo essa característica na nossa população, esse calçado certamente oferece destaque.

            O ideal é utilizá-los com alfaiataria casual, mas também existem outras opções bastante funcionais. Algumas delas são as calças chino, os ternos tweed e os paletós esportivos.

 

Sapato monkstrap

Novamente temos um modelo controverso: algumas pessoas dizem que o sapato monkstrap é casual, enquanto outras o acham formal. Talvez porque algumas versões desse calçado foram recentemente resgatadas no mundo da moda.

Mas saindo desses pormenores, o fato é que ele é algo para quem usa terno por gosto, não por obrigação. Por fim, aqui só cabe mais uma ressalva: por ter divisórios, o ideal é não utilizá-lo em ocasiões muito formais.

 

            Sim, você pode criar o seu próprio estilo com sapatos sociais que sejam a sua cara. Basta saber combinar, entender a ocasião que você está inserido e escolher aquele que for ideal!